Previsão Astral Previsão Astral
Comentário enviado com sucesso!
Aguarde a aprovação!

As idades numerológicas

11/03/2014 15:53

Atualmente se dá uma importância muito grande à idade cronológica, que se baseia no calendário anual. A própria etimologia da palavra Aniversário, que tem origem no latim, significa “aquilo que volta todos os anos”. Anniversarius = annus (ano) + verter (voltar), ou seja, aquilo que se faz ou que volta todos os anos.
Mas já parou para pensar em sua idade numerológica?

Bom, é simples o processo de entendimento. A numerologia pitagórica considera apenas os números básicos de 1 a 9 (não levando em consideração os números 11 e 22 que tem outra significação), enfim os números devem ser reduzidos de 1 a 9. As idades numerológicas são contadas de 10 em 10 anos. Dessa forma, a nossa primeira idade numerológica se dá aos 10 anos, e não quando nascemos.

Ao completarmos 10 anos completamos também primeira década e damos inícios à primeira idade numerológica.
Nessa fase, é o momento de nos tornarmos quem somos, é o momento da identificação do “eu” e também da primeira manifestação do ego.
É o momento de nos conhecermos, de decidirmos acerca do futuro, e se identificar como uma entidade ou personalidade no mundo.
O ápice da primeira idade numerológica se dá aos 19 anos, cuja soma também é 1, assim como 10 anos cuja soma também é 1.

Ao completarmos 20 anos, entramos ou damos início à segunda idade numerológica.
É o momento de partilhar a nossa vida e de vivermos também o outro. A essência do número 2 nos leva a partilhar a nossa vida e a buscarmos a parceria. Nessa fase ou idade numerológica é o momento do casamento, talvez não tanto pelo amor, mas sim pela parceria e pela partilha da nossa vida.
O ápice da segunda idade numerológica se dá aos 29 anos, cuja soma também é 2, assim como 20 anos cuja soma também é 2.

Ao completarmos 30 anos damos início à terceira idade numerológica.
É o momento de buscar a liberdade e de conhecer os outros. Muito comumente nessa idade se dão as crises nos relacionamentos pela necessidade de se conhecer outros mundos e também outras pessoas.
É o momento de se expandir para o mundo. As parcerias e os relacionamentos deixam de ser o foco central da vida, é o momento de voltar ao mundo, de voltar a estudar, de buscar novos rumos, novo emprego, nova vida. É o momento do intenso desejo de viver e de que sua vida seja conhecida pelas outras pessoas.
O ápice da terceira idade numerológica se dá aos 39 anos, cuja soma também é 3, assim como 30 anos cuja soma também é 3.

Ao completarmos 40 anos, damos início à quarta idade numerológica.
Essa é a fase de buscar verdadeiramente a estabilidade, seja profissional, material, sentimental etc.
A essência do número 4 é o momento de retorno a tudo o que realmente representa a estabilidade na vida.
É o momento das reconciliações, recuperar o momento passado e principalmente a valorizar aquilo que realmente importa na vida: a família, o lar, o trabalho.
Nessa fase se dá grande valor ao passado e tudo o que se passou na vida.
O ápice da quarta idade numerológica se dá aos 49 anos, cuja soma também é 4, assim como 40 anos cuja soma também é 4.

Aos 50 anos, é o momento de entrada na quinta idade numerológica.
Aos conhecedores das essências numéricas, e também aos leigos que leem este artigo, a energia do número 5 é a da transcendência. A energia do número 5 traz a transmutação, ou grande mudança. Por isso as pessoas dão grande valor ao momento de chegada dos 50 anos, pois é momento de júbilo.
Todas as mudanças buscadas chegam ao momento de concretização. Não raro há uma grande mudança de vida, um reencontro consigo mesmo e com a liberdade de viver a vida.
As pessoas nessa idade tendem a ter uma alegria imensa, pois se desapegam de todo o passado e se abrem para um futuro novo que se desponta. É o momento do grande recomeço.
O ápice da quinta idade numerológica se dá aos 59 anos, cuja soma também é 5, assim como 50 anos cuja soma também é 5.

Ao completarmos 60 anos, entramos na sexta idade numerológica.
É o momento de se reencontrar com o amor e o sentimento verdadeiros. O coração se abre para a verdade sem cobranças, e o verdadeiro amor é descoberto e não redescoberto.
Para quem construiu em sua vida é o momento do júbilo, de vivenciar tudo aquilo que foi dado na vida. É o momento da grande retribuição, ou roda do retorno. Quem semeou vento colherá tempestade, mas quem semeou margaridas, colherá um grande jardim.
O ápice da sexta idade numerológica se dá aos 69 anos, cuja soma também é 6, assim como 60 anos cuja soma também é 6.

Ao completarmos 70 anos damos início à sétima idade numerológica.
É o momento da grande espiritualização. Não raro nesta idade as pessoas tem grande compreensão de todo o processo de sua vida. A tendência é de simplesmente viver, sem pensar mais no amanhã, e a vivência do hoje se torna uma alegria. Cada dia é uma bênção, cada dia é o momento de uma novo aprendizado.
O ápice da sétima idade numerológica se dá aos 79 anos, cuja soma também é 7, assim como 70 anos cuja soma também é 7.

Ao completarmos 80 anos entramos na oitava idade numerológica.
É o momento do grande balanço da vida. Nesta idade o momento é de se analisar realmente o que teve valor nesta vida. A materialidade já não importa mais, os bens materiais já não importam mais. Só o que importa é o que realmente se construiu na vida, seus valores que serão deixados, suas histórias, suas memórias e seu passado.
Quem nada fez, nada deixará, mas quem muito fez será lembrado para sempre.
O ápice da oitava idade numerológica se dá aos 89 anos, cuja soma também é 8, assim como 80 anos cuja soma também é 8.

Só temos nove idades numerológicas. Essa idade é o ápice de todas.
Nem todos terão nove idades numerológicas, então esta idade é a mais importante de todas para quem a alcança.
Por isso, ao completarmos 90 anos damos início à nona idade numerológica.
A energia do número nove é a do grande eremita, aquele que olha para trás não para si mesmo, mas, sim, para a humanidade. O número nove representa o poder e a magia na maioria das culturas do mundo. Nove são os mundo de Yggdrasil, a árvore dos mundo para os povos nórdicos. Nove são os estágios da consciência no budismo antes de se alcançar a iluminação.
Quem atinge essa idade numerológica entra num estágio elevado de consciência na caminhada espiritual.
Sabemos que nem todos chegarão à nona idade numerológica, por isso é um grande presente e um grande privilégio atingir essa idade.
O ápice da nona numerológica se dá aos 99 anos, cuja soma também é 9, assim como 90 anos cuja soma também é 9.

Por mais que sonhemos com a fonte da juventude e da vida eterna, não é a pretensão de quem completa a nona idade numerológica reiniciar a vida, novos processos, nem alcançar novos objetivos.
Nessa idade numerológica a pessoa se depara com o seu “eu” verdadeiro, o seu próprio self.

Assim, atingir 100 anos, por mais que queiramos, não representa a entrada em nenhuma outra idade numerológica.
É o momento do apogeu, mas já passamos pela primeira idade numerológica uma vez e agora não é o recomeço, e sim o auge da grande idade numerológica, que se dá aos 99 anos de idade.

Cruzar essa barreira é a prova de bênçãos da vida, e só quem a atinge saberá as maravilhas de se completar 100 anos nessa Terra.

Aproveite ao máximo a sua idade numerológica, pois ela jamais voltará como o esplendor do momento em que você a desfruta.

Comente esta publicação!

Nome:
E-mail:
Comentário:
Digite os caracteres abaixo: